|

10 de mar de 2005

O Nocaute de uma Menina

E o filme começa como quase todos filmes de boxe, e tudo leva a crer que assim seria, não fosse o humor logo no início parecendo querer disfarçar algo, encobrir a tensão que ficaria a platéia, nas lutas, no golpe, na sorte. O público acha engraçada a primeira cena e de longe aparece uma grande interrogação acima das cabeças. Quem seria a estrela? É claro que àquela altura do campeonato todos sabiam, mas como ela se tornaria estrela, vencendo competições, ou sendo amor platônico do treinador...Ainda teria um longo caminho. O diretor magistralmente consegue mudar o pensamento das pessoas, que estão ali, que sabem o que vai acontecer , mas não pensam no que vai acontecer. O fato de uma menina querer ser pugilista já tornou o filme especial, e com as vitórias em Hollywood mais ainda, e mesmo que não tivesse nenhum Oscar já seria o melhor filme do ano. Hilary Swanky, atropela a todos, e longe de ser aquela mulher com tom angelical que recebeu a estatueta, apesar de visual rústico, no filme, aparece linda e genial.
Clint Eastwood, chega ao topo com essa nova direção, o melhor de todos que dirigiu. Os detalhes, dos corredores vazios, a pouca luz do ginásio, tudo faz com que o espectador prenda seu olhar, das cordas do ringue as sapatilhas dos pugilistas, em tudo. No inicio dos anos noventa ele recebeu os dois prêmios principais, de melhor ator e filme, com ´´Os Imperdoáveis``. Ano passado, Sean Penn, foi o melhor ator , juntamente com Tim Robbins, o de melhor ator coadjuvante, por outro filme regido pela batuta do Clint, ´´Sobre Meninos e Lobos``. A polêmica da Eutanásia aumentou ainda mais a curiosidade para a fita, e não há quem saia da sala de exibição, sem se perguntar o que faria no lugar do treinador, que vai todos os dias à missa, não para rezar,mas para interrogar o padre, com suas ´´esquisitisses``, e falta de crença. Tem problemas com a filha, que não dá as caras, a não ser pelas cartas que voltam. E no momento em que ele decidiu ajudar a futura pugilista, está ocupando esse vazio. O sentimento é quase paternal, e ela se deixa amar. Sua família simplesmente não existe. Agora, ele é tudo pra ela, ela tudo pra ele: Se completam.
Quem narra a história, Morgan Freeman, um ex-pugilista cego de um olho, problema que Clint se culpa, por não ter interrompido a luta em que o acidente aconteceu. Sua vida é a academia, longe de tudo, perto apenas do seu quarto e da sua tv. Observa tudo, parecendo um remake de sua própria trajetória. Tem uma paixão pela força de Hilary, que leva para jantar um dia qualquer. Todo o mistério amoroso na voz, faz com que nos envolvamos, e passemos a gostar até mais da luta solitária da mulher, das noites sem fim, da falta de oportunidade, de cada moeda guardada. Sim, por que se logo ela tivesse a oportunidade, o filme ficaria sem graça, por que ele não é um filme de boxe , por que ele não é um filme sobre a Eutanásia, mas sim, um filme que fala de amor, perdão, carinho, amizade, doação, crença, compaixão, e culpa. Fala de coisas que temos e vemos, às vezes esquecidas no dia-a-dia. Fala de coisas que nos pegam de surpresa, coisas que não notamos, ou se notamos, custamos a dar seu devido valor. ´´Menina de Ouro``, é uma daqueles filmes para guardar, na memória, na estante, rever várias e várias vezes, uma obra-prima que mostra com uma visão iluminada, como amar a vida, crescer com as oportunidades, e, acima de tudo, acreditar em si , em algo, em alguém. Ainda podemos.


No gramophone : ´´Marooned``, Pink Floyd


Comentando os comentários :

Teti : Amigos podem, sem problema, serem ótimos amores, pra mim sempre foram.Esse durou alguns meses, mas pareceram anos...(2) Realmente foi uma ótima tarde.

Claudia : Obrigado... (2) Realmente existiu, e foi tempos atrás, mais precisamente 1995. Escrevi e guardei, agora só alterei para a linguagem blog, mas foi pouco...(3) Me conhecer?Pode ser em 2000 anos kkkkk

Drica: Obrigado. Como falei com a Claudia, foi tudo verdade.Mudei um pouco, mas foi só mais no inicio, quase nada, para que vocês entendessem melhor.

Inversa: É, resolvi contar, aliás já havia falado com você que um dia se eu tivesse um blog, falaria sobre aquela tarde...(2) Mudanças??? De novo??? Que venha, então!!!

Lulu: Não é coisa de fã, mas tenho umas fotos dela no Festival Sundance de 2003, que está muito parecida. E não foi só eu, mostrei pra minha filha,e ela perguntou: o quê que a Norah Jones tá fazendo em Minas?

Shê : Obrigado...(2) Morango é a pedida!

Carol: Obrigado...(2) Realmente é muito boa a sensação, uma dádiva!

Jady: Entender os amores é impossível, mas o ´´porquê``fica fácil, quando você está disposto a se doar a alguém, e a pessoa a você. Esse é o melhor do entendimento...(2) É mesmo? Obrigado.Vindo de você, a Maga dos Blogs, fico lisonjeado.


Escrito por Sergio Nasto,
às 23:04


| Sites e blogs favoritos |
Jady|Cintia|Cecilia|Guga Flaquer|Rackel|J. Neto|Euza|Carol|Bandeiras| Babi Soler|Natalia|Morcego|Drica|Claudia| Teti| Sidnei|Sieger | Lulu | Beti Timm|Ju|Katia|Eliana|Advi|Mirella|Raquel|Talita | Gisele|Luciana|Van |Juliana|Menina |Luana|Micha | Meninas/a>|Sonia | Dácio Jaegger| Monica Montone | Ana | Alê|Josi|Liz|Marcos | |Giovana Manzoli |Grace|Mario|DO| Be| Pepê|Katia| Mirza|MaithII|Luma|Janaina|Lia|Rosa|Cris Penaforte| Lino| Saramar|Mani|Ana Pontes| Raquel Moniz|Meire| Cilene|Sandra Turner|Fernanda|Hiran|Dalva|Mary|LilianePaula| Edgar|Magui|Sammyra|Mere|Tina Harris|Tina|Monica Cabral||Bel| Laura|Veronica|Elvira|Alice|Fabiola|Maith|Kall|Keila|Cejunior| Patty|Elisabete|F.|Marconi| Daniele|Barbara|Loba|Euza|Di|Fred|Vivi|Lili|Vera|Georgia| Elis|Paulo|PauloII|
| Arquivos |
02.2005 03.2005 04.2005 05.2005 06.2005 07.2005 08.2005 09.2005 10.2005 11.2005 12.2005 01.2006 02.2006 03.2006 04.2006 05.2006 06.2006 07.2006 08.2006 09.2006 10.2006 11.2006 12.2006 01.2007 02.2007 03.2007 04.2007 05.2007 06.2007 07.2007 08.2007 09.2007 10.2007 11.2007 12.2007 01.2008 02.2008 03.2008 04.2008 05.2008 07.2008 10.2008 11.2008 12.2008 01.2009 04.2009 06.2009 07.2009 08.2009 09.2009 11.2009 12.2009 02.2010 04.2010 05.2010 06.2010 07.2010 11.2010 12.2010 04.2011 08.2011


| Créditos |
Blogspot | Getty Images | Haloscan | Inversa


<body> <BGSOUND SRC="musicas.mid" LOOP="INFINITE">